ufa, rolou!

Depois de muitas trocas de e-mail, decidiu-se realizar a tal da “Bicicletada da Zona Oeste”. Não se trata da “primeira”, pois há notícias de outras anteriores, como na Lapa. A inspiração foi a Bicicletada da Zona Leste, que reúne o pessoal da região e quem mais se interessar para pedalar. Enfim, marcado: 2º sábado do mês, às 14h, no Largo da Batata. O Danilo Zamboni desenhou o convite.

Entretanto, no fatídico 9 de julho, feriado, em Pinheiros, havia muitos eventos diferentes relacionados ao tema da bike – o dinamarquês Mikael Colville-Anderson palestrando no SESC, atividades no Mão na Roda. Aquele medinho “e se não aparecer ninguém?”. Bobagem. Sempre aparecem pessoas e das melhores..

O dia foi dos ensolaradíssimos, a luz inclinada de inverno. Roteiro simples, arborizado e plano: Faria Lima, Pedroso de Morais, cruzamos a Praça Panamericana, continuamos pela Av. Prof. Fonseca Rodrigues, passamos em frente ao Parque Villa-Lobos e fizemos uma parada longa no CEAGESP pra tomar água de coco.

Entre caminhões, carrinhos de mão e carros seguimos. Nos pavilhões, não havia mais gente comprando verdura e sim muitos trabalhadores arrumando caixotes de salsinha, coentro, cebolinha. Pombas voando alto. Encontramos não só a água de coco, mas também um trio de forró, que sob a salva de assovios de todo o pavilhão, deram uma canjinha – começando com Asa Branca e terminando com Falamansa, mas eu tô rindo à toa, não que a vida esteja assim tão boa, mas um sorriso ajuda a melhorar…

Voltamos bem tranqüilos e acabamos num bar pra assistir o jogo do Brasil contra o Paraguai.

Bem, no dia 13 de agosto tem mais.

+ álbum com fotos aqui

Julho 2001 | Bicicletada Zona Oeste
Anúncios

Uma resposta em “ufa, rolou!

  1. Olha que interessante isso que achei no site da prefeitura:
    http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/upload/subprefeituras/boletins_das_subprefeituras/2011-01_butanta.pdf

    Isaias e Paulo, funcionários da Subprefeitura Butantã, andam de bicicleta cerca de 20 quilômetros por dia pelos distritos do Butantã, Morumbi, Raposo Tavares, Rio Pequeno e Vila Sônia. A missão deles é identificar os
    serviços que precisam ser feitos. Eles passam para a Subprefeitura um relatório com todos os itens, inclusive fotografados. O projeto foi batizado de Vigilância Verde por causa do uso da bicicleta, meio de transporte não poluente. Buracos nas ruas, calçadas quebradas, problemas nos postes, árvores que necessitam de poda, playgrounds
    com brinquedos danificados, nada escapa da observação desses dois vigilantes-ciclistas. Com a patrulha, eles já até registraram o princípio de um incêndio em uma via movimentada do Butantã, consequência do contato de faísca de um fio solto, no poste de iluminação, com um galho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s